Os desafios da inclusão digital no Brasil

inclusão digital

Dizer que a inclusão digital no Brasil tem grandes desafios pela frente é, no mínimo, uma redundância. Como em inúmeras outras áreas, nosso país ainda tem de lidar com enormes dificuldades para conseguir que uma parcela maior de sua população possa ter acesso à internet, a tecnologias de informação e consiga, assim, melhorar a sua vida nas rotinas do dia a dia.

O primeiro desses desafios está nos valores que ainda são cobrados pela conexão à internet, que são superiores aos praticados em países onde a inclusão digital é muito maior que a nossa, chegando a 80% das residências tendo acesso à rede. No Brasil, apenas 71% delas possuem essa regalia. Entre 2013 e 2015, o IBGE fez uma pesquisa relativa a renda e inclusão digital e concluiu que entre aqueles que ganhavam até ¼ de salário mínimo apenas 32% acessaram a internet pelo menos uma vez; já entre aqueles com renda superior a 10 salários mínimos, 92% acessavam.

Outro item da vasta lista de obstáculos é o de escolaridade. Quanto mais tempo de educação formal a pessoa tem, mais ela se conecta. Estudos mostram que 7% das pessoas que têm um ano de escola acessam a internet pelo menos uma vez, enquanto 92% das que têm mais de 15 anos de estudos acessam com frequência a rede.

A evasão escolar já era um problema para a inclusão digital antes da pandemia, mas e agora?

Agora os números tendem a subir ainda mais. Segundo dados do IBGE anteriores ao coronavírus, 20% dos jovens brasileiros entre 14 e 29 anos de idade não tinham concluído alguma das etapas da educação básica.

Além disso, o analfabetismo também é um fator complicador para a inclusão digital. Calcula-se que 3 em cada 10 pessoas no nosso país conseguem até entender as palavras, porém não são capazes de avaliar textos de forma funcional.

Por fim, mas não menos importante, o tamanho do Brasil é outra questão que gera dificuldade para garantir o acesso à internet. Existem ainda muitas regiões nas quais o sinal não consegue chegar, por falta de torres onde não interessa às empresas da área realizarem investimentos. Áreas rurais com baixa concentração de população são as mais afetadas.

Com tantos fatores negativos, o país tende ainda a demorar muito tempo para democratizar a inclusão digital!

Mais Postagens

2020-10-13T22:18:33-03:00